Genética Topigs Norsvin está novamente entre as melhores do Brasil

Cinco granjas parceiras da marca estão entre as 10 melhores do país segundo ranking da Agriness

A 7ª edição do Melhores da Suinocultura Agriness, evento promovido anualmente para usuários dos softwares Agriness S2 e Agriness S2 Multiplicadora, chegou ao fim e apontou que cinco granjas que utilizam a genética Topigs Norsvin estão entre as melhores do Brasil, além de uma na Argentina.

O objetivo do campeonato é estimular o desenvolvimento dos processos de gestão das granjas com foco em melhorar sua produtividade, e nesta edição, as granjas Fazenda Várzea Pau D’Alho (MG), que ficou em 2º lugar com 33,51 leitões DFA (Desmamados/Fêmea/Ano), Chácara Modelo (PR) em 4º lugar com 32,92 DFA, Granja Raethia 106 (PR) em 6º com 32,65 DFA, Volney Willemann (SC) em 9º com 32,09 DFA, e Granja Raethia 107 (PR) em 10º com 32,02 DFA, foram premiadas por estarem classificadas entre as 10 melhores no índice de DFA. A granja El Triunfo, em Bolivar – Argentina, também ficou classificada entre as 10 melhores daquele país, com média de 27,56 DFA.

As granjas são classificadas com base no índice de DFA acumulado durante o período do campeonato. Participam granjas de diferentes portes e sistemas de produção, distribuídas por 13 estados do Brasil e no Distrito Federal.

Para o geneticista da Topigs Norsvin no Brasil, Éverton Silva: “Os clientes estão de parabéns pelo elevado nível de produtividade que tem obtido e pela evolução percebida a cada ano. Resultados como estes comprovam, na prática, o grande potencial genético dos animais Topigs Norsvin, assegurado não somente através dos resultados reprodutivos (avaliados e discutidos neste concurso), mas também pelo aspecto econômico e de eficiência na produção como um todo”.

Este ano, o campeonato contou com mais de mil granjas participantes e promoveu o primeiro evento totalmente dedicado a apresentar, debater e avaliar a suinocultura pela lente da informação, o INFO360. Com o tema “Informação: a nova fronteira para a suinocultura” foi criado um espaço especialmente preparado para que produtores, gestores, pesquisadores e representantes de toda a cadeia pudessem compartilhar experiências e identificar oportunidades de melhoria no processo de gestão e resultados.

O evento foi realizado entre os dias 23 e 25 de setembro, em Jurerê Internacional (SC), onde os produtores vencedores de cada categoria receberam o troféu leitão de ouro na cerimônia de premiação

Partilhe este post:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no print
Compartilhar no email